terça-feira, 8 de agosto de 2017

Menos de um mês após anúncio de vagas, nova galeria da Penitenciária de Canoas atinge lotação máxima

Módulo 2 abriga 144 presos, a capacidade total

Penitenciária Estadual de Canoas ainda não recebe a totalidade de presos para a qual tem capacidade - Foto: Omar Freitas /Agencia RBS

Menos de um mês depois do anúncio de 144 novas vagas na Penitenciária Estadual de Canoas (Pecan), a nova galeria atingiu o número máximo de presos. Eles foram encaminhados para a Pecan 2, que é o segundo módulo, onde apenas uma das galerias está aberta, conforme a Susepe. Assim, a prisão chegou a 20% da capacidade total.

O perfil é de presos provisórios, que nunca estiveram no sistema prisional, condenados pela primeira vez e sem ligação com facções ou grupos criminosos. Os detentos também devem ser exclusivamente da jurisdição da Vara das Execuções Criminais de Porto Alegre.

PUBLICIDADE

A penitenciária é considerada modelo, já que tem espaço para educação e trabalho. Praticamente vazio, o complexo ainda carece de obras de infraestrutura de contratação de agentes para receber a totalidade de presos para a qual tem capacidade. Dos quatro módulos, apenas dois estão ocupados – o primeiro, a Pecan 1, tem capacidade para 393 vagas. Ao todo, o complexo pode receber 2.808 presos em regime fechado.

Presos em delegacias

Nesta terça-feira (8), 226 presos aguardam vagas no sistema prisional. Eles estão em delegacias e no albergue Pio Buck. No albergue, são 72 presos. A Delegacia de Pronto Atendimento de Canoas registra 35, e a de Gravataí, 26.

GAÚCHA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. A livre expressão é um direito de todos desde que não haja ofensa,caso contrário será removido.