sexta-feira, 14 de julho de 2017

Polícia prende estuprador envolvido em tentativa de homicídio contra uma mulher em Alvorada

Investigação não descarta a possibilidade do suspeito estar envolvido em outros dois casos de estupro e desaparecimento de jovens na Região Metropolitana

Investigação não descarta a possibilidade do suspeito estar envolvido em outros casos de estupro e desaparecimento de jovens

Foto: Instituto Geral de Perícias

O suspeito de estuprar e tentar matar uma mulher de 26 anos, em junho, foi preso na manhã desta sexta-feira (14), em Alvorada. A Polícia Civil conseguiu chegar até o criminoso, de 26 anos, por meio do relato da vítima de que o homem usava um Peugeot 307 de cor prata para sequestrar mulheres. A Delegacia da Mulher suspeita que ele esteja envolvido no desaparecimento de Nicolle Brito Castilho da Silva, de 20 anos, em Cachoeirinha, no dia 2 de junho, e na morte da menina Maria Aline Ourique, de 15 anos, em Alvorada.

No dia 20 de junho, a mulher de 26 anos foi sequestrada em Gravataí, na Avenida dos Estados, e levada para um cativeiro no Distrito Industrial de Alvorada, onde foi estuprada. Após ter sido violentada, a jovem conseguiu escapar ao conseguir tirar uma corda colocada no seu pescoço pelo criminoso. Ao sair do cárcere, ela registrou o caso na polícia, fez o retrato falado do estuprador e disse que ele usava um Peugeot 307 de cor prata para sequestrar as vítimas.

PUBLICIDADE

A partir das descrições da vítima, a Delegacia da Mulher de Gravataí, utilizando o retrato falado para encontrar o suspeito, começou a fazer buscas de dados por diversos proprietário de veículos iguais aos relatados pela mulher à polícia,

Na manhã desta sexta-feira, o homem foi localizado em sua residência, em Alvorada, no bairro Bonsucesso. Ao chegar na Delegacia da Mulher de Gravataí, a vítima reconheceu o suspeito e, então, foi expedido o mandado de prisão temporária. A Polícia Civil realizou exame de material genético para constatar o envolvimento do homem no estupro da jovem.

Segundo a delegada Priscila Salgado, agora, a Polícia Civil investiga a possibilidade do suspeito estar envolvido em outros dois casos similares: o desaparecimento da jovem Nicolle Brito Castilho da Silva, de 20 anos, em Cachoeirinha, desde o dia 2 de junho, quando teria saído para comprar um lanche, e na morte da menina Maria Aline Ourique, de 15 anos, que foi sequestrada no caminho para a escola em Alvorada, em 2014. Ambas foram vistas pela última vez em veículo um idêntico ao do suspeito.

- Agora sim existe uma suspeita real do envolvimento deste homem nos outros dois casos. A Delegacia de Gravataí vai verificar o caso, com a ajuda do material genético coletado também de Maria Aline Orique - explicou a delegada Priscila Salgado.

O suspeito nega ser autor dos crimes.

Fonte: Gaúcha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. A livre expressão é um direito de todos desde que não haja ofensa,caso contrário será removido.