segunda-feira, 3 de julho de 2017

Adolescente morta no bairro Jardim Carvalho estava desaparecida há 15 dias

Pais da jovem ainda não foram informados

A segunda vítima de um atentado a tiros na tarde desse domingo (3) é uma adolescente de 15 anos. Ela estava há 15 dias em condição de pessoa desaparecida, segundo registros da Polícia Civil. Por este motivo, até a manhã desta segunda-feira (4), os pais da jovem ainda desconheciam sua morte, e o corpo não havia sido identificado por familiares.  O nome também não foi divulgado.

Conforme a delegada Luciana Smith, a principal hipótese da investigação é que as jovens teriam envolvimento com o tráfico de drogas.  A outra vítima foi identificada como Vanessa Leal Galo, de 18 anos. Elas estavam na rua Comendador Secco, quando criminosos dentro de um carro branco passaram atirando. Vanessa morreu no local, enquanto a adolescente foi levada ao Hospital Cristo Redentor, mas não resistiu aos ferimentos.

Apesar dos homicídios, a rotina no bairro não foi alterada nesta manhã. A Estadual de Ensino Fundamental Erico Verissimo abriu normalmente.

GAÚCHA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. A livre expressão é um direito de todos desde que não haja ofensa,caso contrário será removido.