terça-feira, 25 de abril de 2017

Presos suspeitos de assassinar taxista durante assalto na zona sul de Porto Alegre

Dois adolescentes e um homem são os suspeitos do crime

Rogério Reolon Martins foi encontrado ferido em estrada da zona sul - Foto: Brigada Militar

Um trio suspeito de assaltos contra taxistas é apontado pela investigação da Polícia Civil como responsável também pelo último caso de latrocínio confirmado neste ano em Porto Alegre. Márcio Ricardo Antunes Pereira, 18 anos, e um casal de adolescentes, de 17 e 16 anos, foram detidos na manhã desta terça-feira (25).

Conforme a polícia, os três são os principais suspeitos da morte de Rogério Reolon Martins, 52 anos, no bairro Belém Velho, na zona sul. A vítima foi esfaqueada dentro de um táxi Siena na Estrada Antônio Borges. Após passar doze dias no hospitalizado, não resistiu e morreu em 10 de abril.

A 12ª Delegacia de Polícia diz que são três casos em que eles são reconhecidos pelas vítimas. Um deles é o assalto contra um taxista que foi ferido no pescoço por ter reagido na zona norte. A vítima dirigiu até o Hospital Cristo Redentor, onde foi atendido, e hoje passa bem.

A forma dos assaltos chama a atenção da polícia por sempre ser usada uma faca e pela violência. O objetivo era sempre o mesmo: roubar celular e dinheiro.

"Essa menina era usada para que os outros dois parecessem passageiros normais, sem alertar as vítimas", comenta o delegado Juliano Ferreira.

Já a 19º Delegacia de Polícia, que investiga somente o latrocínio, deve tentar conseguir provas sobre a participação no crime.

Fonte: Gaúcha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. A livre expressão é um direito de todos desde que não haja ofensa,caso contrário será removido.