sexta-feira, 28 de abril de 2017

Moradores aproveitam protesto e cobram "pedágio" de motoristas na RS-118

Rodovia foi liberada em Sapucaia do Sul após chegada da BM.


 










Pedras foram colocadas no trecho durante protesto - Foto: Cid Martins /Rádio Gaúcha

Um grupo de moradores das margens da RS-118, em Sapucaia do Sul, aproveitou o protesto contra as reformas do governo federal nesta sexta-feira para extorquir dinheiro de motoristas parados na rodovia, em rótula de acesso à cidade nas proximidades da BR-116. Eles cobraram "pedágio" de R$ 1 para liberar o trânsito.

A RS-118 foi bloqueada por volta das 4h30 por manifestantes, que colocaram pelo menos cinco focos de incêndio com pneus e objetos na rótula. Por volta das 8h30, a mobilização foi encerrada. Nesse momento, alguns moradores da região retiraram os objetos da via e fizeram uma espécie de cordão humano, iniciando a cobrança do pedágio.

Caminhoneiro de Santa Catarina, Aladir Carradore reclamou que, depois de uma hora e meia parado, ainda teve de pagar para poder seguir viagem.

"Eles pediram para deixar passar um real, dois. Se não pagasse, não deixavam passar", afirmou o motorista.

A cobrança durou cerca de 10 minutos, após a Brigada Militar ter sido acionada por motoristas. O trânsito foi normalizado no trecho.


Fonte: Gaúcha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. A livre expressão é um direito de todos desde que não haja ofensa,caso contrário será removido.