quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Secretaria abre sindicância após presos dormirem algemados na calçada em Canoas

Eles só foram encaminhados para dentro da delegacia por volta das 9h de quarta-feira, durante reunião de emergência para buscar uma solução.   

Foto: Divulgação /Polícia Civil

O caos nas prisões gaúchas tem ganhado novos e preocupantes capítulos a cada dia. Desta vez, foi a Delegacia de Pronto Atendimento (DPPA) de Canoas que mobilizou a abertura de uma sindicância e uma reunião de emergência na manhã desta quarta-feira após dois presos passarem a noite algemados ao corrimão da rampa de acesso ao local, dormindo na calçada do lado de fora do prédio.

A entrada deles na delegacia havia gerado protesto dos demais detidos por causa da superlotação e condições precárias a que estavam submetidos.

Na tarde de terça-feira, o local, que comporta 8 presos (dois em cada uma das quatro celas), estava abrigando 19 pessoas, além de outros três na sala de triagem. Alguns deles já estavam há mais de 10 dias na delegacia. Para agravar ainda mais a situação, no início da manhã de quarta-feira, um terceiro detido que chegou ao local teve também que permanecer algemado na calçada.

Leia a reportagem completa no site de Zero Hora.

Fonte: Zero Hora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. A livre expressão é um direito de todos desde que não haja ofensa,caso contrário será removido.