domingo, 26 de fevereiro de 2017

Adolescente grávida morre atingida por bala perdida no Litoral Norte

Outras quatro pessoas ficaram feridas durante tiroteio em via pública em comemorações de carnaval.

A adolescente Bruna de Oliveira da Silva, 14 anos, grávida de sete meses, morreu na madrugada deste domingo (26), por volta das 6h, ao ser atingida por bala perdida na praia de Magistério, em Balneário Pinhal. Ela estava em via pública, na Avenida Senador Salgado Filho, em meio a uma multidão de pessoas que festejava o carnaval.  Outras duas mulheres e dois homens também foram baleados e encaminhados ao hospital de Tramandaí.  

Segundo a investigação da polícia,  a jovem chegou a um estabelecimento comercial de carro com o companheiro, para pedir uma água e um lanche. Outro carro, com familiares da jovem, aguardava a compra nas proximidades.   

Cinco minutos depois, um homem que estava nas proximidades, saiu correndo ao ser visto por um grupo de jovens que o identificou e iniciou uma perseguição a pé. O grupo começou a atirar e o homem em fuga revidou. Testemunhas afirmaram que mais de 15 disparos foram ouvidos. Várias pessoas se jogaram no chão, se esconderam em estabelecimentos comerciais, ou saíram correndo, em pânico. 

A jovem, que estava praticamente ao lado do alvo dos criminosos, foi atingida na boca e morreu na hora. Um amigo dela, que aguardava no outro veículo, foi atingido em uma das pernas. Outras três pessoas que não eram da família foram baleadas. 

Conforme o delegado Alexandre de Souza, nenhuma das vítimas tinha ligação com os criminosos e um dos suspeitos já foi identificado. No entanto, até o momento, ninguém foi preso. 

Fonte: Gaúcha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. A livre expressão é um direito de todos desde que não haja ofensa,caso contrário será removido.