quinta-feira, 10 de novembro de 2016

Polícia solicita nova perícia em carro de taxista morto na Capital

Análise buscará materiais biológicos e impressões digitais

Foto: Ronaldo Bernardi /Agência RBS

A Polícia Civil solicitou uma nova perícia no veículo do taxista Jeferson Luiz Braga Rosa, 33 anos, que foi morto a tiros na terça-feira (8), dentro do carro, na avenida Plínio Kroeff, perto do Sambódromo, no bairro Sarandi, em Porto Alegre. Conforme o delegado Joel Wagner, a análise, que ainda não tem data definida, buscará materiais biológicos e impressões digitais.

A investigação está ouvindo testemunhas e busca imagens de câmeras de segurança. Dados do GPS do táxi também foram solicitados à EPTC.

A polícia trabalha com a hipótese de latrocínio, porque foram levados objetos do carro. No entanto, não estão descartas outras suspeitas até o momento. O motorista trabalhava para um permissionário do táxi e tinha dois antecedentes criminais por ameaça, um de outubro deste ano e outro de 2014.

Fonte: Gaúcha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. A livre expressão é um direito de todos desde que não haja ofensa,caso contrário será removido.