sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Homem morto a facadas no bairro Bom Fim é identificado pela polícia

Luís Santos, 29 anos, foi assassinado na manhã desta quinta-feira em Porto Alegre.

Foto: Polícia Civil /Divulgação

O homem que caiu esfaqueado dentro de um estacionamento no bairro Bom Fim, em Porto Alegre, foi identificado como Luís Santos. A vítima, de 29 anos, aparece em imagens de câmeras de vigilância correndo, já ferida, pela calçada da Rua Felipe Camarão às 9h04min desta quinta-feira (17). Em uma das imagens internas do estabelecimento, é possível ver Santos tentando se manter em pé, antes de desabar ao chão. Com esforço, consegue se levantar, caminhar poucos metros, mas bate em uma coluna e cai novamente.

Um manobrista do estacionamento acionou a Brigada Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que o encaminhou ao Hospital de Pronto Socorro (HPS) da Capital, onde ele morreu. Conforme a delegada Roberta Bertoldo, titular da 2ª Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Santos tem em sua ficha criminal crimes como roubo, estupro, sequestro e posse de entorpecentes.

— Não sabemos exatamente o que aconteceu ainda e nem em que rua foram desferidas as facadas. Estamos buscando outras imagens de câmeras de segurança que possam nos auxiliar. Porém, tudo indica que esse crime tenha ligação com o tráfico de drogas — disse a delegada.

Foto: Fernando Gomes / Agencia RBS

Pelo menos duas facadas acertaram a vítima, uma no pescoço e outra no abdômen. O autor ainda não foi localizado, mas a polícia já trabalha com um suspeito. Um homem chegou a ser detido pela Brigada Militar. Segundo a delegada, ele contribuiu com a investigação e, aparentemente, não é o autor dos golpes.

— Por isso liberamos ele. Pode ser que, no decorrer do inquérito, a gente descubra que ele teve alguma participação. Mas, neste momento, não podíamos mantê-lo preso.

ZERO HORA

Agência da Caixa é arrombada no bairro Cavalhada, em Porto Alegre

Cinco homens abriram caixa eletrônico com maçarico.

Criminosos arrombaram uma agência da Caixa Econômica Federal, na madrugada desta sexta-feira (18), na zona sul de Porto Alegre. O banco fica na Rua Campos Velho, no bairro Cavalhada.

De acordo com a Brigada Militar, cinco homens quebraram a porta de vidro do banco e abriram um caixa eletrônico com o uso de maçarico. Ainda não há informações se o dinheiro foi levado. O ataque ocorreu pouco depois das 4h.

A quadrilha fugiu em uma Fiorino branca e em um Ford Fiesta. A polícia faz buscas.

ZERO HORA

BM prende cinco criminosos após assaltos em Gravataí

Dois bandidos foram baleados pelos PMs.

Cinco criminosos foram presos após uma série da assaltos a pedestres, na madrugada desta sexta-feira (18), em Gravataí. Após receber denúncias, a Brigada Militar iniciou buscas e localizou os bandidos em um veículo na região central de Gravataí.

Os criminosos tentaram fugir e a perseguição terminou somente em Viamão. Houve troca de tiros e dois assaltantes foram baleados. Eles foram levados sob custódia ao hospital. As vítimas reconheceram os bandidos.

Zero Hora

Policial federal aposentado é baleado em assalto no bairro Santa Tereza, em Porto Alegre

Policial foi abordado na Orfanotrófio com Sepé Tiaraju.

Foto: Estevão Pires /RBSTV

Um policial federal aposentado foi baleado em uma tentativa de roubo de veículo, na noite desta quinta-feira (17), na zona sul de Porto Alegre. O caso ocorreu na esquina das ruas Orfanotrófio e Sepé Tiaraju, no bairro Santa Tereza, por volta das 23h.

O policial foi ao local para ajudar o filho, que havia furado o pneu do carro, quando houve a abordagem dos criminosos. Foram dois bandidos que chegaram ao local. O policial federal reagiu e houve troca de tiros. Ele acabou sendo baleado no rosto e no antebraço.

Uma equipe de socorro passou pelo local pouco depois do crime e levou a vítima ao postão da Vila Cruzeiro. Ele foi transferido ao Hospital de Pronto Socorro. Não há detalhes sobre a gravidade dos ferimentos e nem foi informada a identificação do policial. A dupla de criminosos conseguiu fugir.

ZERO HORA

Polícia prende suspeitos de assassinarem dono de padaria em Caxias do Sul

Veículo utilizado na noite do crime foi localizado junto com a quadrilha, que estava escondida numa casa do bairro Villa-Lobos.

Quatro criminosos suspeitos de participarem do assassinado de um comerciante no final de semana foram presos em flagrante por volta das 19h desta quinta-feira, em Caxias do Sul. Conforme informações da Brigada Militar (BM), apenas um deles confessou aos policiais que teria atirado contra Firmino Caetano Gomes, 60 anos, após assaltarem a padaria que ele mantinha no bairro Cidade Nova. No momento das prisões, a quadrilha estava escondida numa residência da Rua da Felicidade, no bairro Villa-Lobos. Um Corsa, utilizado no dia do crime, foi apreendido com o grupo. A BM também apreendeu três armas, um Vectra, além de máscaras e toucas ninjas. As informações são do jornal Pioneiro.

A polícia chegou até a quadrilha após denúncias investigadas pelo Comando de Operações Especiais do 12º Batalhão de Polícia Militar (12ºBPM). Populares teriam visto o Corsa utilizado no assalto à padaria. Segundo informações preliminares, os criminosos são suspeitos de terem participação em outros cinco crimes cometidos na cidade. A identidade deles ainda não foi confirmada.

— São elementos bem perigosos, pois são capazes de tirar vidas. Há suspeita de um dos presos tenha sido o responsável por conduzir o veículo após o assalto na padaria. Os criminosos devem responder pelos crimes de latrocínio, roubo e homicídio, podendo pegar pena de cerca de 20 anos cada. O caso deve permanecer em investigação pela Polícia Civil _ conta o Tenente Alves, que participou da operação.

No último sábado, três bandidos armados chegaram na padaria localizada na Rua Dante Francisco Zatera esquina com a Rua Aurelia de Carli Andreazza, entraram no estabelecimento e anunciaram o assalto. Após roubarem uma quantia em dinheiro, o dono da loja teria reagido a investida dos criminosos e acabou assassinado com ao menos três tiros.

JORNAL PIONEIRO

BM apreende 21 pés de maconha em casa abandonada em Restinga Seca

Dentro da residência tinha aparatos para a criação das mudas, como estufas e iluminação especial

Foto: Brigada Militar  / Divulgação

A Brigada Militar apreendeu 21 pés de maconha que estavam sendo cultivados em uma casa abandonada em Restinga Seca, na Região Central do Estado. A apreensão aconteceu na tarde desta quinta-feira (17).

Conforme os policiais, uma denúncia anônima apontou que a casa, um sobrado que fica às margens da RS-149, estava sendo usada para o cultivo da planta. Quando eles foram até o local, encontraram as plantas em baldes e vasinhos. Além disso, também tinha estufa, ventiladores, iluminação diferenciada e diversos aparatos específicos para a criação da planta.

Na residência, não tinha ninguém. Porém, a polícia aponta que já tem suspeitos. Até o momento, ninguém foi preso.

GAÚCHA SM

Duas pessoas morrem e uma fica ferida em acidente no norte do RS

Um dos carros pegou fogo com o impacto da colisão.

Um acidente de trânsito deixou duas pessoas mortas no fim da noite passada (17) em Erechim, no norte do Rio Grande do Sul. A colisão envolveu um Celta e um Gol na RS-331.

Segundo o Comando Rodoviário da Brigada Militar, o motorista do Gol, identificado como Eliwzandro Wrzenski, 40 anos, morreu na hora. Após o acidente, o Celta pegou fogo. A condutora do veículo, Mari Lúcia Venturin, 64 anos, morreu no hospital. Um passageiro do gol ficou ferido.

Não há detalhes sobre os motivos do acidente. A colisão ocorreu no trecho de Linha Aurora, interior do município.

GAÚCHA